A Saga Continua – Procurando casa em Nola

Carnaval acabou e lá vou eu continuar a achar um teto pra gente. Depois de olhar casas em diferentes bairros, pesquisar imóveis com diferentes corretores, estudar os mapas de enchentes e de crimes em New Orleans a gente conseguiu decidir onde queria morar.

Escolhemos o bairro Uptown e ficamos nossa busca de casas nessa área. Escolhemos esse bairro porque é uma graça. Tem aquelas casinhas típicas de New Orleans, o bondinho cruza o bairro e podemos utilizá-lo como transporte público. É também onde se concentram bons restaurantes, tem um parque maravilhoso, tem boas opções de lazer. Ainda por cima é relativamente seguro, é uma parte mais alta da cidade, então os riscos de enchentes são menores. Além de tudo isso outros fatores nos ajudaram a tomar essa decisão: os amigos que tínhamos na cidade moravam nesse bairro e achei que isso iria ajudar na minha adaptação, uma vez que o Mark iria trabalhar, provavelmente viajar a trabalho e eu poderia ter companhia por perto. Ali você também não precisa de carro, o que significaria um desembolso a menos nesse período de chegada. Poderíamos comprar um carro só a princípio e depois decidir se compraríamos outro veículo, quando eu começasse a trabalhar ou se engravidasse.

A partir daí focamos as buscas de casa nessa área. Focamos não, eu foquei, afinal enquanto o Mark trabalhava eu ia cuidando do nosso assentamento.

Não foi fácil achar um lugar pra morar ali naquele bairro. As casas são bem velhas e a maioria não está em boa manutenção. A maior procura de aluguéis parte de universitários que vão estudar na Tulane ou Loyola, universidades que ficam nesta área. E muitos dos proprietários acabam investindo nesta demanda. Fui ver uma casa linda, recém reformada, mas que o dono tinha dividido em 3 habitações e diminuído os cômodos para atender aos estudantes… Nem minha cama de casal caberia em algum dos quartos.

Já as casas maiores, reformadas eram fora do nosso alcance. Box de blindex é considerado luxo, assim como closets e armários nos banheiros. Uma casa de 3 quartos reformada poderia chegar ao valor de 5.000 dólares ao mês. Muito surreal.

Eu posso falar que minha busca foi frenética. Eu chegava a passar meus dias dirigindo pelo bairro procurando placas de aluguel. Eu cheguei a visitar 34 casas. Vi de tudo. Tinha casa que o piso era torto, tinha casa com entulho no jardim, tinha muita casa que o dono dividia ao meio e alugava metade da casa (o que a gente queria evitar, imagina morar no mesmo local que o proprietário???), tinha casa em rua movimentada e sem garagem…

Nosso prazo estava se esgotando e precisávamos sair do apartamento temporário. A situação estava tensa…

Este é um dos mapas de enchentes da cidade. Também checamos o mapa de crime para decidir aonde iríamos morar. 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close