O Quarto do Bebê – post 2: móveis

Uma das coisas que eu mais sinto falta nessa vida de expatriado é não morar em casa própria. Como eu gostaria de fazer um quartinho dos sonhos, fazer reforma, contratar marcineiro e mandar fazer armários planejados, com gavetinha e cantinhos certinhos para guardar todas as nossas coisinhas, fazer decoração personalizada…

Morando em casa alugada a nossa opção é comprar móveis já prontos, que a gente possa se mudar e levar com a gente. No nosso caso tinhamos mais um desafio para escolher os móveis, pois sabíamos que íamos nos mudar quando o Henry estivesse com 6 meses de idade, então nós tinhamos que comprar móveis para um quarto que a gente nem sabia como seria. Não sabíamos qual seria o estilo da casa, o tamanho do quarto, se teria armário ou closet.

Em New Orleans não há muitas opções de mobiliário para bebês. Basicamente temos a Babies R Us, a Pottery Barn, Rooms to Go Kids e a loja local The Baby´s Room. Acabamos comprando na Babies R Us, que tinha uma grande variação de cores e modelos expostos, com boa qualidade e bom preço. A Pottery Barn tem cada coisa linda, mas os preços estavam bem além do que tinhamos em mente e tanto a Rooms to Go, quanto a The Babys Room não tinham muitas opções.

Nós acabamos optando por móveis cinza, pois além de achamos um charme, a cor é neutra e os móveis podem ser utilizados no futuro se a gente decidir tentar baby number 2. Os móveis também combinam com a cama de hóspedes, então outra opção é transferir o armário e a cômoda para o quarto de hóspedes no futuro.

Screen Shot 2018-04-14 at 20.57.56Esses foram os móveis que eu escolhi comprar para o quarto do meu baby. Lindos, não é mesmo? E fiz o tema do quarto de ovelhinhas.

Fazendo nossas pesquisas e pela nossa experiência estes são os móveis que achamos importante comprar para montar o quarto do bebê:

  • Cama para o bebê,
  • Poltrona de amamentação,
  • Cômoda e trocador de fraldas,
  • Armário: Compramos um armário pequeno, só para guardar alguns itens do bebê. Só compramos porque os closets de New Orleans são muito pequenos e queríamos ter tudo dele bem organizado. Mas se você já tem um armário embutido no quarto do bebê não há a menor necessidade de comprar um;
  • Cama para Acompanhante: Se você vai ter alguém pra ficar de noite com o bebê definitivamente você precisa ter uma cama no quarto do bebê. Pode ser uma cama, um sofá-cama ou até um colchão no chão, só precisa ser confortável, para que essa pessoa consiga ter um bom sono no tempo que o bebê deixá-la dormir. Se o bebê for ficar inicialmente no quarto dos pais, não há necessidade de comprar uma, pelo menos não imediatamente. Nós compramos apenas quando o Henry começou a dormir no quarto dele. E mesmo assim, compramos um colchão e um estrado com rodinhas, que fica debaixo da cama do quarto de hóspedes, que é ao lado do quarto do Henry. Assim, a cama pode ser usada tanto para um casal de hóspedes que venha com filho, como no quarto do Henry. Nos dias em que ele fica dodói ou a gente sabe que tem dentinho nascendo a gente já coloca a caminha no quarto dele. Quando está tudo bem a gente leva de volta pro quarto de hóspedes, assim o Henry tem mais espaço disponível pra brincar no quarto dele.

Mas antes de sair comprando tudo, não esqueça de tirar as medidas e ver se cabe tudo no quarto. Pense também no melhor layout, talvez por mais que você tenha espaço suficiente vale a pena sacrificar algum móvel para que o bebê tenha espaço pra brincar. Talvez, se o quarto do bebê for pequeno você tenha que decidir entre ter uma poltrona de amamentação ou um colchão pra acompanhante. Você vai ter que decidir as opções que mais atendem às suas necessidades e de sua família e quais as opções que cabem no bolso e no espaço físico do quarto do bebê.

Você também pode decidir por não comprar móvel nenhum. Ou somente comprar móveis baixinhos, pra uso exclusivo do bebê. Estou falando do quarto montessoriano. Eu pensei muito em fazer um pro Henry. Eu não fiz porque precisávamos de móveis pra guardar as coisas dele e porque nos 6 primeiros meses ele ficaria no nosso quarto, como falei anteriormente. Se não fossem por esses 2 motivos eu teria feito. Eu sou encantada pela metodologia Montessori, acho os quartos montessorianos lindos e, convenhamos, pode sair sai muito mais em conta.

Screen Shot 2018-05-08 at 23.56.36Foto de um quarto montessori

Em um próximo post eu vou falar sobre os Acessórios do quarto do bebê. Eu gosto de dividir o enxoval do bebê por sessões porque é muita informação. Além disso, os acessórios do quarto do bebê podem ser adquiridos posteriormente. O importante é pensar logo nos móveis porque muitas vezes você pode ter que encomendar a um marceneiro ou o móvel pode ter um prazo de entrega demorado ou até mesmo, como foi no meu caso, vir com defeito.

O meu armário veio com um arranhão enorme e horrosro na lateral. Eu devolvi e eles levaram mais um mês e meio para me entregar, além do um mês e meio que eu esperei a entrega do armário estragado. Foi um período meio chato porque eu já estava começando a fazer compras do bebê e não tinha onde guardar a tralha toda. Ficou um mês tudo em caixas no chão. Um saco, mas ninguém está livre dessas inconveniências, por isso que eu reforço que tem que pensar nos móveis com antecedência .

 

Um comentário em “O Quarto do Bebê – post 2: móveis

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close